Segunda-feira, 05.11.12

Rui Pedro Soares vai ficar com 60 a 80% da SAD do Belenenses. Os sócios do clube do Restelo aprovaram a cedência da maioria do capital da SAD ao fundo de investimento do ex-administrador da PT.

 

Quem lê estas notícias até se esquece que ainda agora começou o julgamento. Pelo meio é a debandada geral de quem fechou negócios ou deve cargos a este senhor. O que dizer mais?


Arquivado em:

afonso ferreira às 22:48 | link do post | comentar
|

Domingo, 20.06.10

 

O caso mais vergonhoso de corrupção dos últimos tempos assemelha-se a uma má relação sentimental com todos os ingredientes de uma telenovela estafada. Domingos Névoa está para a Câmara de Lisboa como algumas pessoas estão na vida amorosa.

 

No início era a relação perfeita a caminhar em passos rápidos para o casamento ideal. Como dote foram distribuidas uma luvas aqui, uns barretes acolá, tudo em prol da limpeza de um terreno com uns carrosséis decrépitos. O noivado corria bem até o administrador da empresa ter sido gravado em pleno acto de sedução a um vereador mais afoito. Inicialmente parecia um caso simples, apanhado numa gravação que não deixava margem de dúvida da sua intenção criminosa era esperado que fosse condenado. À prisão. Muitas idas ao tribunal depois, são os irmãos Sá Fernandes a serem condenados a pagar uma indemnização ao corrupto, que de vilão passou a vítima. Absurdo? O colectivo de juízes considerou que os actos que pretendia que fosse praticado pelo vereador não constavam da esfera de acção do mesmo. Por conseguinte, não preenchia a factualidade típica do crime de corrupção activa de titular de cargo político. O corrupto ilibado garante que não tem problemas de consciência e que voltaria a fazer o mesmo. E, já agora, os tipos que o andaram a difamar que lhe paguem uma indemnização que ele perdeu muito com este processo.

 

Quem passa pela antiga Feira Popular e vê o extenso terreno vazio é obrigado a tirar várias conclusões: a corrupção compensa, o desfecho do caso é um claro sinal a todos as pessoas que se encontrem em situação semelhante que a melhor decisão a tomar é aceitar o dinheiro e calar. Ao percebermos o modus operandi do corrupto, o discurso amoroso com que seduz vereadores, percebemos que é homem que está habituado a isso, não era com certeza a primeira vez que seduzia, foi é provavelmente a primeira vez que levou uma tampa. Ainda assim saiu-se bastante bem. Não está a ver o sol aos quadrados e até garante que podendo voltar ao trabalho irá ser uma peça fundamental no combate à crise económica. Nós não duvidamos do futuro da sua carreira de falinhas mansas. 

 

Estava convicto que o único terreno sem leis era o amoroso, devido à sua natureza volúvel e em constante mudança por depender de sentimentos, uma coisa muito difícil de ordenar, quantificar ou catalogar. Agora aumentei o meu âmbito de percepção, a corrupção sentimental obrigou-me a isso.


Arquivado em:

afonso ferreira às 02:54 | link do post | comentar | ver comentários (1)
|

Segunda-feira, 14.12.09

 

A nova medida anti-corrupção proposta ontem por José Junqueiro, secretário de Estado da Administração Local, pretende impedir a recandidatura de autarcas condenados na justiça por crimes dolosos com pena superior a três anos. Por muito que apeteça saudar a medida, mais vale tarde do que nunca, é caso para perguntar porque é que levou tanto tempo. The traffic was a bitch? Se tal medida tivesse sido aprovada antes das eleições autárquicas não teria sido possível nem a Valentim Loureiro nem a Isaltino Morais candidatarem-se e consequentemente serem reeleitos. A mesma medida já tinha sido proposta pelo Marques Mendes há quatro (4!) anos e o projecto-lei foi aprovado por unanimidade por todos os partidos.


Arquivado em:

afonso ferreira às 16:01 | link do post | comentar
|


Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Artigos recentes

debandada

Corrupção sentimental

Corrupção fora-de-horas

Arquivo

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Arquivado em

a minha língua é a pátria portuguesa

cartas

casamento gay

coisas extraordinárias do gabinete

conversas de caserna

corrupção

dias felizes

domingo

domingos

estudos

ghost writer

gira-discos

grandes crimes sem consequência

literatura

mercados

mundo virtual

outras cidades

paixonite

pequenas ficções sem consequência

perdido no arquivo

playlist

relvasgate

sonhos

suicídio público

taxistas

telenovela

um homem na megalópole

vendeta

viagens

todas as tags

links
Twitter
subscrever feeds